17 de Outubro, 2021
Horário: 17:30
Local: Academia de Música
Cidade: Paços Brandão

Diogo João (Guitarra)

Nascido a 21 de Outubro de 1997, natural de Lisboa, Diogo João iniciou os estudos de música no Conservatório de Música D. Dinis com o professor Nuno Sá. Fez masterclasses e cursos com diversos músicos tais como Michalis Kontaxakis, Ricardo Gallén, José

Mesquita Lopes, Robert Trent, Guilherme Vincens, Toni Cotolí, Jesús Pineda e Leo Brouwer. Foi premiado em 14 concursos

nacionais e internacionais como o 19º Concurso Internacional da Cidade do Fundão, 3º Concurso Internacional de Guitarra da Academia de Música Fernandes Fão, Grande Prémio de Música Lions 2019 e Prémio Jovens Músicos em 2021. Em 2018, criou o Duo Sirius com Márcio Silva. Terminou a Licenciatura em Guitarra com o Professor Doutor Dejan Ivanovich na Universidade de Évora em 2018 e o Mestrado em Ensino de Música na Escola Superior de Música de Lisboa em 2021.

 

Diogo Pinheiro (Oboé) Regina Freire (Soprano)

Regina é uma jovem soprano portuense.Os seus estudos musicais começaram pelo estudo do piano aos três anos e pela sua participação no coro juvenil local levando à descoberta da sua paixão pelo instrumento da voz. Prosseguiu os seus estudos na área da música, e concluíu o curso de Canto no Conservatório de Música do Porto com distinção. Posteriormente, ingressou na Guildhall School of Music and Drama, em Londres, onde obteve com distinção os diplomas de licenciatura e mestrado na classe de Susan Waters. Apesar de estar em início de carreira, Regina já teve a oportunidade de interpretar vários Nascido em 2003, em Santo Tirso, iniciou os seus estudos musicais aos 10 anos no Centro de Cultura Musical, com o professor Pedro Leal. Aos 12 anos, ingressou na Escola Profissional Artística do Vale do Ave na classe de oboé do professor Hugo Ribeiro e mais tarde na classe do professor Luís Alves. Integrou as Orquestras Artavinhos, Orquestra de Sopros Artave e Orquestra Sinfónica Artave.

 

Trabalhou sob a direcção dos maestros Fernando Marinho, Joshua dos Santos, Hugo Ribeiro, André Granjo, Luís Machado, Jaroslav Mikus, Luís Carvalho, José Gomes, Luciano Pereira, Ignatius Wang, Pedro Carneiro, Maxime Tortelier, Ernst Schelle, George Jackson e Daniel Harding. Participou em masterclasses com os professores Nelson Alves, Thomas Indermühle, Jean-Michel Garetti, Ricardo Lopes, Diethelm Jonas,

Jean-Louis Capezzali e Miriam Pastor. Foi laureado nos concursos: «Terras de la Salette» no ano 2016 (2°prémio, juvenil), no ano de 2017 (3°prémio, juvenil) e em 2018 (1°prémio, juvenil); «IV Concorso Internazionale per Giovani Oboisti» em 2017 (1°prémio); 7° Concurso Internacional de Sopros do Alto Minho em 2019 (1o prémio); Prémio Jovens Músicos em 2021 (1o prémio, oboé – nível médio e 1o prémio, categoria de música de câmara nível médio). De 2018 a 2020 foi membro efetivo da Jovem Orquestra Portuguesa. Em 2021 foi selecionado para a Jovem Orquestra de Famalicão, para a «Verbier Festival Junior Orchestra» e para a «Concertgebouworkest Young».

 

PROGRAMA

Mozart – Concerto para Oboé papéis operáticos, tais como: Sevadilha em Guerras de Alecrim e Mangerona de A. Teixeira da Silva, Belinda em Dido and Aeneas de H. Purcell, Pamina e Erste Dame em Die Zauberflote de W. A. Mozart, Micromegas na estreia no Reino Unido de A trip to the Moon de Andrew Norman e Cobweb em Midsummer Night’s Dream de Britten. Regina Freire já colaborou com a Orquestra XXI, Orquestra de Guimarães, Orquestra Sinfónica da Guildhall School of Music and Drama, e a Orquestra Sinfónica de Londres, sob a direcção dos maestros Dinis Sousa, Takuo Yuasa, Vitor Matos, Simon Over e Sir Simon Rattle. Já interpretou também o solo em Midsummer Night’s Dream de Mendelssohn, a 4a Sinfonia de Mahler, Gloria de Vivaldi, Stabat Mater de Pergolesi, Bachianas n.5 de Villa- Lobos, Die Schöpfung e a Nelson Mass de Haydn, Mass in D de Dvorak, a Cantata n.49 e 57 de Bach, e Missa Brevis in D k65 de Mozart. Isto permitiu que fosse solista em vários países como Noruega, Reino Unido, França, Grécia e Portugal para trabalhar com vários artistas como Sergei Leiferkus, Rudolf Piernay, Edith Wiens, Claudia Visca, Dennis O’Neill, Elisabete Matos e Tobias Truniger. Regina já obteve alguns prémios em concursos nacionais e internacionais como Concurso Internacional de Canto do Fundão (2013 e 2014), Concurso do Bomtempo (2014), Concurso Nacional de Canto em Portugal (2013 e 2014), The Charetered Surveyours Voice Prize em Londres (2019) e The David Gosman Award na Peter Hulsen Orchestra Song Award em Londres (2019), e foi Semifinalista no Concurso da Fundação dos Rotários Portuguesa. Mais recentemente obteve o primeiro prémio no Concurso Jovens Músicos na vertente do canto, e será finalista no Concurso Internacional de Canto Alfredo Kraus, em Espanha.

PROGRAMA

  • Fauré – Mai

Après um rêve

  • Duparc – Au Pays où se fait la guerre

Chanson Triste

La Vague et la cloche

  • Poulenc – Deux poèmes de Louis Aragon

Extra: Je veux vivre – Romeo et Juliette – Gounod